Caixa libera R$ 34 bilhões para crédito imobiliário


artigo-financiamento-imobiliario-0181982.jpg

Para reaquecer o mercado imobiliário, a Caixa Econômica Federal disponibilizou R$ 93 bilhões para o crédito para imóveis esse ano. Dessa quantia, R$ 59 bilhões já tinham sido liberados. No dia 10 de outubro, o banco liberou os demais R$ 34 bilhões. A instituição promoveu medidas estratégicas nos últimos meses. Uma delas foi o relançamento do Plano Empresário (PEC), que proporciona condições especiais para o setor da construção civil.

Outra medida foi o aumento da cota de financiamento para pessoas físicas tanto para imóveis novos (de 70% para 80%) como para usados (de 60% para 70%) no SFI (Sistema Financeiro Imobiliário). A instituição também ampliou o teto de financiamento de R$ 1,5 milhão para R$ 3 milhões para unidades dentro do SFI.

A Caixa procura alternativas para ampliar as variedades de recursos que servem de lastro para os financiamentos imobiliários para diminuir a participação das captações por meio de LCIs (Letras de Crédito Imobiliário), como a liberação de R$ 3,3 bilhões em CRIs (Certificados de Recebíveis Imobiliários). Outra iniciativa foi lançar recursos dos depósitos da caderneta de poupança junto ao Banco Central, o que disponbiliziou R$ 5 bilhões.

No caso das operações com recursos do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, houve um acréscimo de R$ 30 bilhões. Já para as linhas do programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV), houve um crescimento de fundos em torno de R$ 13,5 bilhões para financiamentos onerosos e mais R$ 4,7 bilhões para subsídios.

Fonte: www.caixa.gov.br


Voltar

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSAS NOVIDADES